Tag Archives: praesto

mKut (aplicativo para acesso ao orkut pelo celular) saí no G1

Pessoal, essa sexta-feira (03/08) foi agitada.

No meio da tarde, um conhecido nos ligou na Praesto dizendo que estava vendo uma matéria no Globo News, canal da TV à cabo, que falava do nosso aplicativo mKut que faz acesso ao orkut pelo celular.
De início já ficamos muito contentes por essa veiculação inesperada do nosso aplicativo, mas isso aumentou quando fomos olhar na internet o que estava acontecendo.

Achamos a matéria sobre o mKut no G1 da Globo.com que descrevia e trazia informações do aplicativo. O artigo trazia também um link do baixatudo onde você pode baixar o aplicativo.
A matéria ficou muito boa e ficou por mais de 3 horas na capa do G1. 😀

O mais surpreendente foi ver no baixatudo, o crescimento do número de downloads do aplicativo e ele alcançar ótimas colocações nos Top 10 da semana e Top 10 do mês!! Bacana foi ver também que o pessoal gostou do aplicativo!!

Pra quem ainda não conhece o mKut, ele é um dos aplicativos para celulares do Portal JMobi que faz sua conexão com o Orkut para você ver seus scraps e respondê-los, ver os aniversários de seus amigos, fotos…. O aplicativo é feito em Java e pode ser baixado diretamente pelo seu celular do site wap http://wap.jmobi.com.br ou então da sua página no JMobi e depois transferido pelo celular via cabo, Bluetooth ou infra-vermelho.

mKut, o Orkut em qualquer lugar e a qualquer hora, no seu bolso!!

[update]
Pessoal tem perguntado sobre o custo:
Pegando um exemplo de fazer login e ver seus recados e responder dois, você gasta entre R$ 0,06 e R$ 0,15 dependendo da sua operadora.

Veja a tabela completa aqui.
[/update]

Google e o AdSense mobile

O Google está investindo mais na área mobile.

Saiu em versão Beta o Google Mobile Ads. Serviço do AdWords para conteúdos de celular.

Segundo o Google:

Mobile ads são pequenas propagandas de texto baseadas do AdWords que aparecem em mobile websites ou quando usuários usam a busca Google de um aparelho mobile. Quando os usuários clicam em uma propaganda mobile, elas podem ser enviadas para sua página mobile ou oferecer a opção de ligar para o seu telefone de negócio.

Descubra mais

O serviço ainda está em testes. Os anúncios são pequenos para não aumentar muito a transferência de dados, são simples (celulares não tem javascript, principal linguagem usada no AdWords tradicional)…

Putz, espero que isso não vire uma febre como o tradicional. Eu acho que além de deixar os websites poluídos e de difícil navegação, as vezes é até falta de educação com o usuário esse uso abusivo de serviços desse tipo. Nos wapsites isso vai ser pior ainda e deixar mais caro a navegação.

Fiquei pensando também, será que esse foco extra no mundo mobile tem alguma jogada por baixo dos panos ainda, e que tem relação com a compra da GrandCentral que noticiei??
Talvez isso ajude a Praesto, empresa que trabalho, mas disso eu explico depois… 😉

Será que o Google Mobile Ads vai funcionar?? Você agregaria o serviço ao seu “wapsite”?? Deixe seu comentário!!

Vi no Undergoogle, Inside Google, Self Made Minds e afins…

Faculdades, profissão, empregos… o que fazer?!

De uns tempos pra cá, eu tenho visto e pensado em muitas coisas relacionadas a carreira de trabalho, profissão, minhas áreas de conhecimentos e coisas afins, e isto me rendeu boas leituras e conversas.

Pessoal que me conhece e pra quem quer me conhecer, eu sou estudante de Ciências da Computação e atualmente trabalho em uma empresa que faz aplicativos pra celular e serviços web atuando nessas duas frentes. Tenho me identificado bastante com a área de web, não somente criação de páginas e tal, mas conceitos e formas de melhorá-la.

O meu ponto de vista atual é que, nessa área de TI, o que mais importa é o seu nível de conhecimento, seja ele amplo ou específico. Sendo amplo, melhor, mas tenha sempre algo específico; não vale nada você saber um pouco de tudo mas não ter prática para trabalhar com aquilo. Ok, e esse conhecimento, melhor vir de onde??

As fontes de conhecimentos hoje são inúmeras (apesar de muitas se concetrarem disponíveis na internet), mas temos os cursos práticos, cursos técnicos, escolas e faculdades de ensino superior, estágios e empresas juniores e até mesmo o auto-conhecimento. Elas vão fazer diferença dependendo de cada caso. Conheci exemplos de pessoas que tinham apenas curso técnico mas um ótimo conhecimento numa certa área, e com isso conseguiu entrar numa empresa e se dar muito bem, melhor mesmo até que pessoas com ensino superior. Muitas pessoas falam que no exterior, nada importa o nosso diploma e sim os conhecimentos mesmo que temos e mostramos.
Cada caso é um caso…

O Diego do Tableless escreveu um artigo bacana, Faculdade, cursos e conhecimento, que ele fala sobre especialização de pessoas na área de desenvolvimento para web. Gostei do exemplo que ele escreveu que surgiu de uma conversa dele:

” se o Google decide contratar um desenvolvedor web para a equipe do Orkut, por exemplo, um desenvolvedor que cursa algo relacionado à Ciência Sociais seria um destaque.
E ele tem razão. Um profissional que consiga consiliar suas especialidades técnicas de desenvolvimento web com seu conhecimento em Ciências Sociais, seria muito valioso para o trabalho com comunidades, comportamento de massas e tudo que uma rede social como o Orkut representa… Ele teria uma mente aberta para novas idéias e saberia quais caminhos tomar para implementá-las.
Outro exemplo básico: qual curso o desenvolvedor que trabalha diretamente com AI (Arquitetura de Informação) poderia fazer? Biblioteconomia seria interessantíssimo. Diretamente o curso não tem nada a ver com tecnologia e nem precisa ter. O cara adaptaria o conhecimento que ele aprenderia em Blibioteconomia para a área de web.”

Na verdade não sei se chega a tanto como o exemplo: a pessoa cursar uma coisa totalmente diferente e trabalhar em TI; mas ter conhecimentos amplos faz bem.

A verdade é que hoje ainda acontece muito a relevância sim do seu passado acadêmico, mas, as novas empresas que estão surgindo, estão considerando é o que você sabe, o quanto de coisas novas você pode aprender, a sua vontade para o tal, e como será o seu aprendizado (o “aprender a aprender”).

Pessoalmente não desconsidero quem não tem um ensino superior, porque hoje, quase tudo se aprende fora da faculdade e/ou por si próprio, mas também acho que a faculdade te traz um bom senso crítico e que te ensina a se virar na vida.

Como havia dito, cada caso é um caso. Sua área pode não necessitar de um ensino superior para você se sair um grande profissional. Mas não é por isso que você deva deixar de lado as faculdades e universidades. Lembre-se, aprender nunca é demais!

Não esqueça de deixar seu comentário!

E as palavras do dia foram: publicidade e mobile!!

Como é estranha a sensação que você tem ao perceber que o mundo inteiro está em sincronismo.
Um tempo atrás estava conversando com um amigo sobre idéias de coisas que poderiam ter na net e logo no dia seguinte, por incrível que pareça, vi as mesmas linhas de pensamento em muitos blogs e sites na internet.
Hoje, foi muito parecido.

Na empresa que eu trabalho, a Praesto Convergence, hoje nos foi mostrado uma nova apresentação que seria usada na busca de novas campanhas. Ficou muito boa, muito legal, mas por alguns motivos, ainda não posso mostrar nada dela… Ela não tratá nada muito diferente do que temos contato diaremente, ou seja, o mundo mobile, mas ficou muito boa, clara…

Bom, o bacana a dizer é que saiu hoje também um artigo do Henrique Costa do Revolução Etc muito bom sobre desenvolvimento de sites para dispositivos móveis. Ele faz uma breve apresentação sobre as tecnologias e mostra alguns pontos que devem ser considerados nessa área de desenvolvimento. Realmente vale a leitura.

No Webinsider, saiu um artigo sobre a força da mídia online que, mostra o que tem rolado durante algumas semanas na rede, que são as compras pelas gigantes Google, Microsoft e Yahoo de grandes empresas de publicidade, ou seja, estão apostando alto na mídia digital.

Saiu também o Podcrer #13 onde Michel Lent e Vicente Tardin abordam assuntos relacionados à publicidade online: discutem sobre as métricas na internet (page view?), a força da mídia online, e outros… Escute quando tiver um tempinho livre, bacana também.

Um tempo já que queria mostrar minha visão sobre esses dois assuntos: publicidade e mobile, mas acho que está mais do que visível já. Isso é o que está crescendo e vai dar certo.
Agora pare e pense: imagine as duas juntas o que vai dar!!

Comentem a visão de vocês!